"YES SHE CAN"

Yes, she can!
Michelle Obama: toda força que existe na nova primeira-dama dos EUA
Por Pilar Magnavita • 19/01/2009
O inverno parecia que viria rigoroso naquele ano de 1880. A Sra. Louiser Robinson olhava pela janela do seu barraco e angustiava-se com a geada que chegara já em outubro e que cobria os campos de arroz da Plantação de Friendfield, Georgetown, Carolina do Sul. Se o gelo prejudicasse a colheita, o que sobraria para sua família, já que quase tudo o que fosse produzido nas terras do senhor Withers pertencia ao senhor Withers? Este era o trato para gozar da alforria, pois de que valia a liberdade se a miséria das ruas aprisiona a dignidade dos homens? Sentada perto do fogão, estava alheia ao que o agente censitário perguntava ao seu marido Jim, e ele, disfarçando a vergonha, olhava os filhos e respondia com seu sotaque humilde: "James Robinson, nascido escravo em 1850, eu acho. Não sei ler e não sei escrever".
Jim e Louiser Robinson não podiam prever o futuro, jamais poderiam imaginar que daquele barraco de madeira surgiria uma descendente da quarta geração que no dia 20 de janeiro de 2009 subirá as escadarias de mármore da Casa Branca - construída por escravos - pela porta da frente. Hoje, a tataraneta dos Robinson, Michelle LaVaughn Robinson Obama, assume seu posto de primeira-dama dos Estados Unidos, ao lado de seu marido, o presidente americano Barack Hussein Obama, cujas origens parecem refletir o seu propósito de governar uma América para todos.

http://msn.bolsademulher.com/mulherinvest/materia/yes_she_can/63522/3

  • RSS

2 comentários:

Não Somos Apenas Rostinhos Bonitos disse...

Tomara que dê certo!
Beijoca,

Glorinha.Lima disse...

vai dar linda,vai dar.eu rezo todo dia por ele e todo mundo deveria fazer o mesmo rsrsrsrsrsrsrs
preciso adicionar seu blog correndo!
bjk viu ,obrigada pela forca!
chorei ate lendo esse trecho do texto...
bjk bjk